Noticias em Geral

Reset dupla embreagem no câmbio PowerShift

No mercado atual, os veículos com o câmbio que troca as marchas automaticamente são os preferidos dos consumidores. Uma projeção feita no final de 2019 mostrou que, 65% dos modelos comercializados no Brasil em 2020 seriam com este tipo de transmissão.

No mercado nacional, atualmente, há vários modelos e sistemas, os quais necessitam de revisões e manutenções preventivas. Entre eles, em 2013 a Ford passou a utilizar no New Fiesta, EcoSport e Focus, a transmissão de dupla embreagem denominada Power Shift. Ele é um câmbio automatizado, ou robotizado. Foi desenvolvido pela Getrag Ford Transmissions GmbH, uma joint-venture entre a Ford e a fabricante alemã de transmissões Getrag.

O fato de ser um câmbio de dupla embreagem exige que o proprietário do veículo fique atento e faça manutenção preventiva e corretiva no sistema. Sergio Listoff, Técnico da Schaeffler Brasil, que fabrica as embreagens LuK, explica como funciona este câmbio. “Ele é diferente de outros câmbios com trocas automáticas, pois a embreagem é normal, aberta, os discos K1/ K2 são soltos e a fixação da embreagem é na transmissão e não no volante”.

Nos automóveis da Ford o sistema de acionamento das embreagens é elétrico, comandado pela TCM.

Na edição de junho (141) mostramos o processo de desmontagem, já na de julho (142), a Revista Reparação Automotiva explicou como é feita a montagem, isso quando for necessário substituir as embreagens desgastadas por novas.

Mas uma transmissão pode necessitar de outros tipos de reparos, como por exemplo, a troca dos retentores, pois com o tempo de uso eles sofrem desgastes e provocam vazamentos.

Neste caso, a dupla embreagem deverá ser retirada e recolocada, porém, antes da montagem é preciso realizar o procedimento que é conhecido pelos reparadores como ‘reset’, ou seja, reposicioná-la nas condições de uma embreagem nova.

Nesta reportagem realizada no Centro de Treinamento da Schaeffler Brasil em Sorocaba (SP), o Técnico Sergio Listoff, explica que na parte externa, o reset consiste em baixar a mola membrana e colocar as três travas. E na parte interna realizar os ajustes e os encaixes da mola membrana. Após realizar este procedimento ela retorna para ao ajuste original e pode ser reinstalada.

Kit de ferramentas para o reset

A Schaeffler comercializa em seus distribuidores o conjunto de ferramentas para este procedimento (Refª 400 0425 10). Ele é composto por:

1- Base/suporte para colocar a embreagem

2- Porca guia para a embreagem não se movimentar

3- Adaptador

4- 2 pinos de fixação

5- 2 porcas aperto manual

6- Aranha (Peça de pressão K2 – Ø 115 mm)

7- Aranha (Peça de pressão K2 – Ø 131 mm)

8- Anel de pressão K1 – Ø 85 mm

9- Anel de pressão K1 – Ø105 mm

10-  Anel de fixação da K1

11-  Anel de fixação da K2

12-  3 terminais de fixação da K1

13-  DVD com instruções de montagem/desmontagem vídeo de formação

Nesta reportagem, realizada no Centro de Treinamento da Schaeffler em Sorocaba (SP), mostramos a maneira correta de realizar o procedimento de reset da dupla embreagem utilizada nos câmbios PowerShift dos veículos Ford com motor 1.6L e 2.0L

Procedimento de reset

1-Na bancada coloque o suporte e prenda na morsa.

2-Coloque as guias para a embreagem não se movimentar.

3-Em seguida colocar a embreagem no suporte com a mola membrana voltada para cima e travar.

Obs: Na parte inferior externa estão os ajustes da embreagem B para as marchas pares, no formato de meia lua, no total são três. (Frame 00:58). Na parte interna está localizado o disco da embreagem A das marchas impares onde estão as três presilhas.

4-Acoplar a ferramenta conhecida como aranha (Peça de pressão K2 – Ø 115 mm) no platô. Encaixar na posição correta, pois as hastes da ferramenta irão posicionar as molas na posição correta.

5– Utilizar a porca de pressão até assentar, mas sem forçar. Caso haja muito pressão na porca ficará difícil para o ajuste. Sempre trabalhar com a porca solta.

6-Colocar o anel de fixação e inserir a aba dos anéis de ajuste. Girar em sentido anti-horário (na direção da seta no anel) e prenda no fim decurso.

7-Com uma mão segurar o anel de fixação na posição, enquanto gira a porca de pressão para baixo com a outra mão, até a porca de pressão atingir o fim de curso.

8-Em seguida pressionar com a porca de pressão ate as travas estarem posicionadas na mola membrana.

9-Terminado o processo, retirar a porca de pressão, a peça de pressão e anel de fixação. Em seguida verificar se todas as molas estão pressionadas.

10– Na sequencia realizar o ajuste do disco de embreagem A, ele é responsável pelas marchas impares. Para isso colocar o anel de pressão K1(KL-0500-715).

Insira o adaptador no prato de pressão e gire a porca até tocar no adaptador.

11-Insira o anel de fixação menor para K1(KL-0500-715) nas três aberturas do anel auto-ajustável de K1. Gire o anel de fixação em sentido horário (na direção da seta) até atingir o fim decurso. Depois remova o anel de fixação.

12-Introduza os separadores do bloqueio de transporte da K1 com auxílio dos terminais de fixação. Solte e desparafuse a porca de pressão.

13– Remova as ferramentas especiais restantes.

Verifique se todos os terminais de bloqueio, de transporte da K1 estão encaixados. E assim, a dupla embreagem está pronta para ser montada.

Matéria original:

Reset dupla embreagem no câmbio PowerShift

Banner Principal
foto

Autor: Sindirepa MT

Faça seu Comentario :

Leia Mais Posts Relacionados

Voltar Para o Topo